Marcos Pablo Dalmacio

Professor de Violino e Violão

Desde cedo mostrou interesse por diversos aspectos da prática musical o que o levou a dedicar-se com igual energia ao violão, violino, viola, composição, pesquisa musicológica, regência e à interpretação de música antiga com instrumentos de época (vihuela, guitarra renascentista, alaúde, guitarra barroca e guitarra clássico-romântica). Como violonista tem se apresentado em numerosas cidades de vários estados do Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai, Portugal e Peru, participando como concertista e ministrando masterclass e palestras a convite de diversas universidades e outras instituições. Tem atuado também junto a orquestras e quartetos de cordas do Brasil e da Argentina, em música de câmara e concertos para violão e orquestra.

Possui um CD gravado junto com Alessandro Lucindo com quem conformou o DUO BRAR (2008) e participou da estreia mundial e primeira gravação em CD da Sinfonia do Bem do compositor brasileiro Jean Goldenbaum (2010). Recentemente gravou seu primeiro disco solista Ricercare (2015) no qual interpreta cinco séculos da história da música com sete instrumentos diferentes.

Atualmente é diretor artístico e violinista da Orquestra de Cordas da Ilha, apresentando programas dedicados principalmente ao resgate de compositores pouco conhecidos da história da música. No âmbito da música de câmara conforma o Duo Cor dos Ventos com o flautista Cristian Faig; ademais do repertório tradicional para a combinação utilizam instrumentos históricos para a interpretação de música antiga.

Também ativo como compositor, conta com várias obras estreadas na Argentina e no Brasil além de dois concertos integralmente dedicados a suas obras de música de câmara. No ano de 2014 se interpretaram várias obras de sua autoria, desde solos instrumentais até obras para orquestra de câmara, algumas delas sendo estreias, como foi o caso de uma de suas mais recentes composições: o Kyrie em Sol bemol para coro, flauta e orquestra de cordas.

Marcos Pablo Dalmacio é natural da Argentina e está radicado no Brasil desde 2005.

Em 2013 obteve seu diploma de Mestre em Música pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) na área de musicologia com a dissertação “A sonata para guitarra na Viena de Beethoven e Schubert”. Possui os títulos de Professor de Violão pelo Conservatório Isaías Orbe de Tandil e de Professor Superior de Violão pelo Conservatório Luis Gianneo de Mar del Plata, ambos da província de Buenos Aires, Argentina. Foi contemplado com diversas bolsas de estudos: Santa María de la Armonía (Mar del Plata) para realizar os cursos de verão em violão, violino e fenomenologia da música; Fundación Antorchas (Buenos Aires) para aperfeiçoamento em música antiga; a bolsa CAPES (Brasil) durante a pós-graduação, e a bolsa da Universidad de Santiago de Compostela (Espanha, 2013) para participar de seus cursos internacionais de música.





Voltar para a página anterior

Profº Marcos Pablo Dalmacio